o estúdio

O estúdio de design gráfico de mateus valadares abriu suas portas na primavera de 2012 e trabalha com editoras, instituições, empresas, realizadores culturais e artistas. também colabora com outros designers.

ola@mateusvaladares.com
av sumaré, 137  05016-090
são paulo  sp  brasil
fixo +5511 2129 7936
celular +5511 98329 7772

facebook
instagram

currículo

Mateus Valadares (belo horizonte, 1982) se formou em design gráfico pela Escola de Design da UEMG (2004) e em comunicação social pela UFMG (2005); tem especialização em Design e Humanidade pela Usp (2009).

Em 2006 integrou a equipe da Máquina Estúdio de Kiko Farkas, onde ficou por seis anos. ali Especializou-se em design de livros e desenvolveu projetos para instituições como Osesp (Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo), Instituto Moreira Salles, Museu Lasar Segall e laboratório Salomão Zoppi. também participou de projetos de identidade visual, como a atualização da marca do turismo do brasil (2010). a partir de 2012, em estúdio próprio, tem trabalhado para grandes editoras, como o grupo companhia das letras, e instituições, como o Sesc São paulo.

tem projetos reconhecidos ao longo de toda sua carreira, com destaque para a capa selecionada entre as 50 melhores do mundo pelo 50 books/ 50 covers (2014) do american institute of graphic arts e as participações na 26th international biennial of graphic design brno (2014) e na 22nd warsaw international poster biennale (2010). também participou da trnava poster triennial (2009) e da bienal internacional del cartel bolivia bicebé (2009). foi finalista em duas edições do prêmio jabuti na categoria capa de livro (2008 e 2010). desaudio, um livro com seu projeto gráfico, está na biblioteca do moma, em nova york. teve projetos selecionados e premiados nas últimas quatro edições da bienal brasileira de design gráfico da adg (2006–15).

currículo completo em pdf

clientes e parceiros

aleph
ateliê carla caffé
elaine ramos
elisa von randow
kiko farkas/ máquina estúdio
grupo companhia das letras
globo livros
leya
lucas lenci
mundana companhia
novo século
planeta de livros
sesc são paulo
thiago lacaz
três estrelas
zé otavio